28 de outubro de 2009

Salva pelo gongo

Um dia depois do anúncio da estréia do longa-metragem "Eu e as baratas", estrelado por uma colega de trabalho, eis que tenho um diálogo muitíssimo esclarecedor na cozinha do escritório. A saber, segue:

_ Meu, tem muita barata aqui, hein?
_ É.
_ E são todas pequenininhas. Quer dizer, se tem filhote, tem mamy e papy também, né?
_ Ah... não. É a raça da barata que é assim mesmo. É modelo pequeno, elas não crescem.
_ É mesmo? Não sabia que existia essa marca, tipo, mini-barata. Que fofo, né? Deve ser pra criança.
_ Rsrs...
_ Mas sabe, eu venho aqui e tenho mó medo que dentro da minha garrafinha caia uma barata junto com a água. Porque tem esse caninho aqui e eu acho que...
_ Ah, elas entram! Entram sim!
_ É? Então o que você tá me dizendo é que a água está contaminada?
_ Isso. Isso mesmo.
_ Ah... (jogando a água na pia) Brigada, hein?!
_ De nada.

Ufa! Beeem melhor ficar com sede.

10 comentários:

FlamingLips disse...

Amor,

Levanta e vai tomar uma água,

mineral

É melhor que o passeio é maior,

bjos,

Tay'' disse...

Baratas me dão medo!! o.O

Amanda Proetti disse...

Oi?! Vc é fantastic até falando sobre baratas!!! :O

Eduardo disse...

o q os olhos nao veem, o resto nao ta nem ai.
ah! eu bebia dessa agua mesmo.

mas legal a ideia de barata pra crianças...

Marcella disse...

mano, vc é linda...esse seu jeito todo de menina...amo.

Renata disse...

hahuahua. gostei!!

Magno Nunes disse...

Mas faz bem pra amigdalite...

Jurooo...

Rodriguez disse...

Eu não sei se ri mais com o seu post Caringe ou se foi com o comentário do Magno!!!

Joey Marrie disse...

Tomar baratas até seria uma boa.
Pior engolir sapos...
Pior engolir tantas outras coisas...

Acho que o Magno tem razão!

vini9 disse...

Bom, já dá pra ter uma idéia de onde vem seus problemas de garganta...
=/