29 de dezembro de 2008

(in)ex(-)ato

Algumas expressões não podem se concretizar porquê não existe forma possível pra elas. É como um espírito sem corpo. Não cabe na fôrma anterior, mas também não tem uma nova. Então o significado fica pairando, bobo, volitando sem ser capturado e retransmitido.
E chega a ser mesmo um lamento isso... Porque o que não é dito, de qualquer maneira que seja, se perde. É como se dissolvesse no ar... e, embora seja um eco eterno, é uma forma de existência que ninguém alcança, entende ou toma conhecimento.
Mas... algumas sensações... realmente... não fogem de ser inexprimíveis...




foto by L. de Sálua

5 comentários:

Magno disse...

Realmente o que não é dito se perde...

E acho que vc deveria dizer mais...para mostrar logo oq fazer!

Senão, mais alguns pra coleção...

O tempo passa...e é cruel.

BjoCá
Má (O tempo passa, o tempo voa, e a poupança bamerindus continua numa boaaaaa....)

Luciano disse...

Minha mãe quem dizia: "Se está querendo falar, fale! Se esta querendo fazer, faça! Não chegue em casa arrependido por não ter feito, se arrependa por fazer!"

O Silêncio, o dito por não dito, o tempo mau utilizado, só vêm para quem deixa, para quem não, são como árvores que crescem na grama, do vizinho.

Agora quando falamos de algo que não cabe mais dentro de palavras, sabemos muito bem, eu e você, o por quê, e ainda bem que é assim.

Amanda Proetti disse...

Menina sempre misteriooooosa... e sábia! Mas o importante é que o "a quem deseja alcançar" seja alcançado... com palavras... ou de outras tantas possibilidades!
Bjo Bjo Bjo

Emanuel disse...

De uma sabedoria doce e jovem, inexperiente e cheia de certezas, que nem sempre, quase nunca, estão certas, aprenda a controlar seu corpo e espírito, nem sempre se deve falar, nem sempre se deve agir, mesmo querendo, até se corrigir, ai vai ser automático, mas, não se arrependa do que passou, passado é passado, tenta se aproveitar e aprender algo, do resto é só dar risada com ele ou esquecer. Você já escolheu seu destino e as pessoas ao seu redor antes de nascer. Lembre, precisa passar por isso, tente acertar, se errar aprenda e continue. Pronto. Só não confunda, nem sempre falar não é omitir, a verdade e transparência são essenciais a todos.

Emanuel disse...

Só explicando melhor um trecho acima, tem momentos que você vai querer realmente falar, fazer, se achar que deve, se está fazendo com amor faça e fale, mesmo que de errado, você terá feito o que achava certo, isso é importante, não fazer algo que você vê como errado. Se você vai contra seus princípios, quem vai acreditar que você realmente os tenha.