19 de dezembro de 2008

...sorte viciada...

Today's fortune: Do right and fear no man
Podia ser…
Sorte de hoje:
você não vai encontrar alguém a quem todos saibam que você encontrou até quando estiver lendo jornal na fila do pão e vai ser feliz mesmo assim
Mas não era.
Para ser precisa, talvez devesse ser...
Sorte de hoje:
você vai bater com a cabeça bem forte em alguma idéia maluca que envolva um grande desapego
O que seria o equivalente a...
Sorte de hoje:
sofra, se é o que prefere
E então...
Sorte de hoje:
preferência não é a palavra certa quando sua razão já voou pelos ares

6 comentários:

Luciano disse...

"Sorte não é senão ventura. Não precisa ser positiva pra ser sorte. Basta ser fado, acaso.
E vício é o evitável defeito do mundo. O hábito do qual depende todas as coisas. O que faz do círculo um algo limite, a circunferência que não abrange, porque não compreende.
Estes dados são os instrumentos, a medida dos atos. E ninguém é só atos. Nem só vícios, nem só acasos."

Magno disse...

Gostei Luciano!!!

Hehe...

Ou poderia ser:
"Mesmo vc sabendo que tudo vem de encontro ao seu rosto, novamente, vc fica"

OU sei lá...
"Conhecimento parado é conhecimento morto"...

BjoCá
Má (...)

Luciano disse...

Eu também gostei, mas essas palavras não são minhas. São da própria Camila.

Magno disse...

Ahaha to ligado...
MAs foi muito bem colocadas...

Chico Silva Jr disse...

Espaço é uma dimensão que estende, encolhe e recolhe. Cada fase faz uma frase.

Luciano disse...

A música é uma que me faz lembrar uma menina, que um dia, comerciou uma ampulheta comigo. A menina me deixou a ampulheta, e levou meu sorriso.
Bela, singela, muitissímo boa a música.
Tornou-se minha e dela.