8 de julho de 2008

Exagerado

Exagero é uma palavra exagerada pra falar sobre excesso.
Nem todo excesso é bem um exagero! Mas todo o exagero é um excesso que sobrou bastante nas bordas.

Descendo pela Consolação no horário de pico, lembrei, enquanto tossia, que asma é uma reação alérgica, ou seja, é uma resposta EXAGERADA do organismo a um estímulo que pode ser esforço físico, poeira, poluição, fumaça, enfim...
Mirei o horizonte e não me atrevi a sentir o ar do fim de tarde. Aquela fumaça toda na minha atmosfera e a exagerada sou eu?
Meus pulmões protestaram.
Corri pra casa e fui escutar Cazuza.
Precisava recolocar o sentido nas coisas.

4 comentários:

Magno disse...

Isso mesmo...
E depois do aviso para não tossir mais...não sei c vc notou...isso parou...

É o meeeeeedo! Tá vendo...hehe

Enfim...asma é ruim...e vc é exagerada por ter!

beijos Cá
Má...

V. B. de Moraes disse...

O exagero do teu corpo tem remédio.

Mas o exagero do poeta remediado está.

É uma redundância chamar um poeta de exagerado. Mas nenhum poeta é ciente de seus exageros, pois se o fosse, poeta não seria e seu exagero seria discrição.

Magno disse...

Se não fosse o Léo Jaime hein...

Joey Marrie disse...

égua, mas que coisa!!! Oo

não fico em pc sem ouvir música.
e estando eu fuçando os arquivos dos "Dados Viciados", procurando se haveria alguma postagem julina na data de my niver e venho ter com esse post "Exagerado".
e justamente na hora em que leio o título, adivinhem qual é a música que tá tocando no meu player?? um doce pra quem adivinhar...
ahuahuaauauha