8 de novembro de 2008

Exercício narrativo (alternativo)

É o seguinte: o sol tava lá no céu, no rolê da noite, aproveitando a folga, mas aí voltou e os raios dele entraram bem com pé no peito, no mó invasão do quarto, sabe? Ninguém perguntou se podia, só que ele foi lá e pãnz e fez. A noite saiu de cena, foi puxar um ronco noutro canto, sussa, não tava mais a fim de esconder ninguém na sombra.
E o cara tava ali, mas não podia mais, tava osso
.
Daí ele levantou assim... pá... pegou o casaco... foi procurar o negócio que ele largou num lugar que não lembrava aonde. Olhou, olhou, mas não viu não.
Sentiu um coiso estranho no corpitcho, de frio ou medo, sei lá. O mundo todin, assim, de repente, era demais pr'um cara assim, um lixo. Mó treta.
Largou tudo no chão mesmo. E percebeu que tava úmido e frio fora do casaco. O corpitcho tremeu de novo. Sentiu o futun dela. Deu risada.
Daí que não podia mais esperar e ficou doido!
Riu de novo. Foi correndo pelado pela casa até o banheiro, de pé no chão, fazendo barulho. Abriu o chuveiro. A água ajudou a relaxar. Ficou ali, curtindo aquilo, sabe? Com a água na cara, quase engolindo e cuspindo de novo como se fosse baba, com coração empolgado, fazendo ziriguidun no peito magrelo.
Saiu fazendo mó zueira, molhando tudo, um lixo. O ó do borogodó, escorregando, segurando pelas paredes, quase caindo, na correria.
Abriu o guarda-roupa e viu que não tinha quase nada. Que lixo! Encontrou qualquer coisa que lembrava uma camisa, uma calça e foi aquilo mesmo. Colocou o sapato enxulezado.
Pensou no carro, daí se lembrou de uma piada e não pensou mais.
Catou as chaves. A do carro foi pro bolso e a de casa usou pra fechar a porta e enterrou no vazinho de fora, como se não fosse um lixo de esconderijo pra chave do ap.
Desceu fazendo pensamento positivo pro elevador ir logo.
Daí chegou lá embaixo e pá, deu oi pro zelador num desengonço só e se foi.

Um comentário:

Magno disse...

Uma mistura de novo mano...sabe aquele que mistura panz e pru'm na mesma sentença...hehehe

E um baiano em sampa...

Mas ficou engraçado...e se panz todo mundo vai dar uma risada...Eu pelo menos...to rindo...ahahahaha

BjoCá
Má (tsc tsc tsc...)