15 de fevereiro de 2008

O tempo não pára (mas nem sempre passa)


Na extrema esquerda, a Carla. No meio, minha irmã, que completou quinze anos na última quarta-feira, e eu sou a da extrema direita. O bolo é de aniversário pra minha mãe. A "vela" (de papel que, por motivos óbvios, não pôde ser acesa) foi eu mesma que desenhou, cortou e colocou, cuidadosamente, em cima do bolo de côco.



A Carla me dava comida, banho e carinho. Aliás, me dá até hoje (carinho, só!)...
Ela me acordava de manhã e me dava leite na cama, numa canequinha laranja que tenho até hoje. Ela me ensinou a gostar de Jaspion e de pagode, aprendizados que esqueci com o passar dos anos...
Mas minha gratidão não se acabou com os dias. Porque tem coisas que o tempo não apaga, mas pelo contrário, agiganta e reafirma. Como o meu carinho...
Hoje ela apareceu pra mim. E então percebemos que o poder devastador do tempo não pode alcançar tudo. Sempre há o que guardamos a salvo das ruínas de nós...

3 comentários:

Magno disse...

Ahhh que bonitas as duas Caringezinhas...piquititicas...

A Cá, como sempre, com um sorrisão colgate aberto...e a Thata nem entendendo muito...mas batendo palminhas...

A Carla foi importantíssima para o crescimento desta moça...afinal gostar de Jaspion é fundamental para a formação de qualquer ser humano, (por isso considero quem não viu Jaspion um ser extraterrestre).

Mesmo depois de muito tempo sem se ver...ainda, lá no fundinho tem aquele carinho todo especial.Aposto que ela se sente orgulhosa pela mulher que você se tornou, independente (isso mesmo!) e muito focada nos objetivos...

Nossas ruínas são protegidas contra ataques talibãns...e de qualquer etnia que tente destruir...

Faz parte de nossas lembranças...sejam boas ou ruins...ainda bem que nesse caso são boas...

Sabia que tem ruínas que são intransponíveis? Eu sei de uma, cercada de proteção por todos os lados.


Enfim, vamos guardar naquele cantinho especial...Como fazemos com o blog...o nosso cantinho literário da senhorita Camila Caringe...

Beijos...
Má (o muro é muito alto?)

Mauricio disse...

Camila, minha querida namorada!!!

Como esta foto está linda!!!
O sorriso, o vestido, o bolo, as pessoas que você ama, tudo está lindo nesta foto!

A emoção está representada nesta foto e em seus sentimentos. As doces experiências, o cheiro do bolo, a textura e a forma das velas feitas por você, o som de vocês cantando e a presença da Carla fizeram o aniversário ficar encantador e eternamente vivo em suas memórias!

Realmente podemos guardar lembranças que nem o tempo consegue retirar!

Gostar de Jaspion? ...risos... Quem não assistia? E não se esqueça dos Changeman e muitos outros ...risos...

Com certeza, a Carla ficou muito emocionada ao vê-la novamente pois ela sabe que parte dela está dentro de você e que isto a ajudou a se tornar uma linda mulher também!

Um enorme beijo,

Mauricio

V. B. de Moraes disse...

é impressão minha ou vc já passou dos 30?

Essa foto tem cara de 1980.

rárá.